sábado, 9 de abril de 2016

O assunto hoje é trabalho

Bom dia


"Vós, servos, obedecei em tudo a vossos senhores segundo a carne, não servindo só na aparência, como para agradar aos homens, mas em simplicidade de coração, temendo a Deus.
E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como ao Senhor, e não aos homens,
Sabendo que recebereis do Senhor o galardão da herança, porque a Cristo, o Senhor, servis."
Colossenses 3:22-24







Ser servo não é tarefa fácil,para se ter uma ideia o filho de Deus,disse que não veio para ser servido,mas para servir,como ele experimentou na pele,tudo que existe de mais árduo,com certeza a tarefa de "ser servo" não poderia ficar de fora.

Somos servos de Deus,servos dos nossos pais,servos dos nossos maridos e esposas,servos do patrão que temos,e muitas vezes nem sempre é agradável,aos ouvidos e nem ao coração,receber ordens.

Mas nunca podemos nos esquecer que somos representantes de Deus aqui na terra, se levantarmos cedo e partimos para o trabalho,desanimados,desmotivados,se olharmos para os defeitos das pessoas que nos cerca,se como o camaleão pegarmos a cor do ambiente a nossa volta,nunca faremos a diferença.

Comecei a trabalhar cedo,com 14 anos,assim que conheci o meu Sr Jesus,até atribui aquela porta de emprego como benção dele,resultado da minha fé,e toda orgulhosa,pegava a bolsa velha que era da minha mãe,e franzina tomava o café e enchia a boca,para dizer que estava indo trabalhar,sim era motivo de orgulho para mim,enquanto as meninas da minha classe,estavam pensando em namorar,eu queria ser alguém na vida,me lembro do primeiro emprego,um consultório dentário,eu ia ser recepcionista,pelo menos era o que a vaga dizia,mas não era só isso,eu achei que ia ficar sentada,marcando consultas,atendendo telefones,e na verdade não era assim,a dentista pegava pessoas de menor,para ser um faz tudo,eu atendia a porta,fazia massinha (óxido de zinco) segurava o sugador,atendia a porta,limpava baba,lavava bacia com cuspe,trocava,toalhas,lavava e colocava os instrumentos dela na estufa,e ainda tinha que comprar cigarros para ela...as quintas- feiras,não marcávamos ninguém era dia de faxina e adivinhem eu era a faxineira também,mas sabe de uma coisa,eu amava tudo aquilo,eu me sentia serva primeiro de Cristo,eu achava que se eu deixasse tudo arrumado e cheiroso Cristo estaria ali se agradando de mim,eu achava que se eu respondesse de forma errada a minha patroa,eu estaria batendo boca com Jesus.

Um dia ela apareceu na quinta feira,eu tinha a chave do consultório,e não sei o que houve aquele dia,mas quando cheguei Dra Sonia já estava lá,creio que ela teve uma discussão com o marido dela,e foi para o consultório,comecei minha limpeza e nada estava bom,então ela se levantou,arregaçou a barra da calça,acendeu o cigarro e colocou a mão no vaso,e me mostrou como ela queria e me disse palavras que guardo até hoje:PARA SABER MANDAR É PRECISO PRIMEIRO SABER FAZER.

Refletindo nisso e no momento em que o país vive,vejo que cada vez mais nos desencantamos com o trabalho cedo demais,não existe emprego perfeito e nunca existirá,perfeito é quando olhamos cada lugar que passamos como uma oportunidade de aprender,como diz as escrituras com simplicidade de coração e temendo a Deus,para quem sabe um dia poder passar um pouco do que aprendemos.

Por pior que seja o lugar que se trabalha,por mais duro ou até grosseiro seja as pessoas a sua volta,encare como um aprendizado,como algo que lá na frente servirá de experiência,trabalhe,faça sua parte,com toda a sua força,faça com o coração,mude,decore,faça colorir o ambiente que você está,veja o que pode mudar,pois aonde a luz chega,as trevas simplesmente se dissipam,seja luz,seja o sal,realce o que precisa ser realçado.Dê sabor!

Já convidou o Sr Jesus para ir trabalhar hoje com você?
Seja aquele tipo de pessoa que por onde,passa deixa saudades!

#cafedamanhacomDeus




Por 

Vera Gomes






© Receitinhas da Verinha - 2016. Todos os direitos reservados.
Layout por: Monny Peixoto.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo